28/10/22 | 11:15
Programa de inclusão educacional da Prefeitura de Manaus oferece mais de 30 mil bolsas para 2023

A Prefeitura de Manaus lançou, na manhã desta sexta-feira, 21/10, no auditório Isabel Victoria de Mattos Pereira do Carmo Ribeiro, na sede da prefeitura, localizada na avenida Brasil, no bairro Compensa, zona Oeste, o edital do processo seletivo para o Programa Bolsa Universidade (PBU) 2023/1, que vai ofertar mais de 30 mil bolsas de estudos para a população de baixa renda, entre vagas de ampla concorrência, e as reservadas para Pessoas com Deficiência (PcD) e idosos.

 

 

A Secretaria Municipal de Administração, Planejamento e Gestão (Semad), por meio da Escola de Serviço Público e Inclusão Socioeducacional (Espi), coordena o programa. Com benefícios integrais, de 100%, e parciais, de 50% e 75%, o PBU contempla pessoas residentes em Manaus e que possuam renda familiar per capita de até 1,5 salário mínimo, o equivalente, no valor atual, a R$ 1.818 mil, entre outros critérios. Os cursos de graduação serão para ingresso no primeiro semestre do ano de 2023.

A solenidade de lançamento do edital foi presidida pelo titular da Semad, Ebenezer Bezerra, que destacou que como resultado da gestão do prefeito David Almeida, o PBU atualmente é o maior programa do gênero no Brasil.

“Nós podemos dizer que Manaus tem a ‘maior’ universidade do país, pelo alcance da iniciativa. E esse é um momento histórico para nós, mais uma vez, um momento de muita alegria para a população de Manaus, a oportunidade de ingressar num curso de nível superior. É o Bolsa Universidade gerando oportunidade para a população se qualificar, estudando em 14 instituições de ensino superior, extremamente qualificadas, com professores aptos a preparar essa turma para o mercado de trabalho”, disse o secretário.

Falando em nome de todas as IESs, o pró-reitor de Graduação da Universidade Nilton Lins, Vitângelo Plantamura, ressaltou a importância de poder participar do PBU.

“Eu diria que somos nós a recebermos o presente, às vésperas do aniversário de Manaus. Nós que estamos aprendendo a fazer com que a inclusão não seja apenas um discurso de ocasião. O Programa Bolsa Universidade é, por essência, um programa de inclusão. Acompanhamos a transformação de pessoas em duas grandes dimensões: as que adquirem competências técnicas e se tornam cidadãos mais conscientes e entendem que a condição social não é determinante e que esse programa pode gerar incríveis conquistas”, afirmou Plantamura. 

 

Bolsa Universidade 2023

Para o processo seletivo 2023/1, estarão disponíveis 543 bolsas integrais; 7.888 com desconto de 75%; e 21.599 com 50% de redução no valor da mensalidade. Do total das 30.030 bolsas, 1.501 são reservadas para Pessoas com Deficiência e 601 para idosos, a partir de 60 anos.

O edital com as condições de participação e a lista de cursos ofertados poderá ser consultado no Diário Oficial do Município, no endereço http://dom.manaus.am.gov.br já a partir deste sábado, dia 22.

As inscrições iniciam dia 25/10, se estendendo até o dia 4/11. Os interessados poderão realizar a inscrição por meio do link http://bolsa.manaus.am.gov.br.

O processo seletivo será dividido em três etapas: inscrição eletrônica – na qual o candidato irá preencher questionário socioeconômico, classificação e entrega de documentos – necessários para comprovar as informações prestadas na inscrição.

“Para 2023, o Bolsa Universidade terá 74 cursos, entre bacharelado, licenciatura e tecnológicos. Nós focamos em duas áreas, que são saúde e tecnologia. Temos muitas bolsas com 100% e 75% para os cursos de fisioterapia, odontologia, farmácia, nutrição. Muitas com essa redução em ciências da computação, engenharia da computação, análise de desenvolvimento de sistemas por se tratar de mercados que estão em expansão. Fizemos esse ‘raio-x’ para que a pessoa, depois de formada, tenha acesso mais fácil ao mercado de trabalho”, concluiu o diretor-presidente da Espi, Júnior Nunes.

As IESs que estarão participando do PBU 2023 são: Faculdade Boas Novas; Ciesa; Esbam; Estácio do Amazonas; Faculdade Regional do Amazonas (FAM); Fametro (unidades da Chapada, Cachoeirinha e zona Leste); Fucapi; Instituto Amazônia de Ensino Superior (IAES); Instituto Amazônico de Ensino Superior (IAMES); Idaam; Nilton Lins (Parque das Laranjeiras, Japiim e zona Leste); Faculdade Santa Tereza (Vieiralves e zona Norte); Ulbra; e Uninorte.

__________________________________________________________________________________________________

Texto – Sandra Monteiro / Semad

Fotos – Thelson Souza / Semad

Em anexo